Mermão, uma ixkol ae!


07/02/2011


 
 

O carnaval tem que continuar

 

Nós, cariocas, acordarmos hoje com uma notícia muito triste. Um incêndio na cidade do samba, que pelo que parece, destruiu bastante coisa por lá, há cerca de um mês do carnaval. Dos 14 barracões os da Portela, Grande Rio, União da Ilha do Governador e o cultural da Liga Independente das Escolas de Samba foram os atingidos.

Sou Mangueirense roxo, roxo não: Verde e Rosa desde criança, mas é muito triste saber que tanto trabalho e principalmente, tanto amor e dedicação destas escolas viraram cinzas.

Diferente do futebol, no samba a rivalidade é sentida de outra forma. Pois as escolas se apoiam, se fortalecem, se prestigiam. Prova disto são os ensaios técnicos na Sapucaí - lotada - mesmo com o calorzão que tem feito no Rio, até por "uniformizados" de escolas que nem estão no ensaio aquele dia.

Uma coisa bem legal, foi ouvir o Eduardo Paes dizer que este ano nenhuma escola deveria cair. Concordo com ele. Neste momento o importante não é subir ou descer, e sim APOIO!

Portela, Grande Rio e União da Ilha do Governador: Força nas perucas e nas plumas que a sapucaí é grande e o carnaval tem que continuar...

 

Categoria: Causos
Escrito por Ixkol às 11h56
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

05/02/2011


 
 

O SENHOR está certo disto?

 

 

Dizem que Deus dá o frio conforme o cobertor. Eu tô começando a achar que pela primeira vez, Ele deve ter errado...

 

Categoria: Momentos Filosóficos
Escrito por Ixkol às 12h40
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

04/02/2011


 
 

A Firmeza da Yaô

 

 

 

Eu vi uma Yaô ajoelhada no gongá;

Eu vi uma Yaô ajoelhada no gongá;

Ela chorava, ela implorava:

Mamãe Oxum, deixe minha banda melhorar!

Ela chorava, ela implorava:

Mamãe Oxum, deixe minha banda melhorar!

O ventou soprou, fez Yaô se balançar;

O ventou soprou, fez Yaô se balançar;

Mas se manteve firme e não saiu do lugar!

O ventou soprou, fez Yaô se balançar;

O ventou soprou, fez Yaô se balançar;

Mas se manteve firme e não saiu do lugar!

 

Categoria: Cultura Popular
Escrito por Ixkol às 12h40
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

02/02/2011


 
 

Prefiro vc assim

 

"Então, lembra que eu te falei que tava meio borocoxô?"

"Lembro, claro!"

"Pois é, fiz o que vc me falou."

"Apertou o botão do foda-se?"

"Não. Fui assistir o De Pernas Pro Ar. Cara, vc não tem noção!!! Eu ri muuuuito. Obrigada mesmo! Só não gostei mais pq queria ter ido com vc."

"Muito bom né? Eu falei! E hoje, o que vc vai fazer?"

"Comer 900g de chocolate e ser feliz..."

"Melhor vc comer só 450g e me pagar pela consulta amigopsicólogodemesadebar os outros 450g."

"Toma! Vc merece os 900g. Assim eu fico no crédito contigo e 4 quilos mais magra para a sapucaí"

"Se passarem a me pagar todo momento ouvidodescarga, serei o próximo Rei Momo..."

"hauhauhauhauahauh, ah não! Prefiro vc assim, todo gostosinho..."

"ahauhauhauhauhahu, eu também!"

 

Categoria: Causos
Escrito por Ixkol às 13h30
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

 
 

Caminhos do Mar

 

 

 

 

 

 

Yemanja Odoiá Odoiá
Rainha do mar
Yamanja Odoiá Odoiá
Rainha do mar

O canto vinha de longe
De la do meio do mar
Não era canto de gente
Bonito de admirar

O corpo todo estremece
Muda cor do céu do luar

Um dia ela ainda aparece
É a rainha do mar

Yemanja Odoiá Odoiá
Rainha do mar
Yemanja Odoiá Odoiá
Rainha do mar

Quem ouve desde menino
Aprende a acreditar
Que o vento sopra o destino
Pelos caminhos do mar

O pescador que conhece
as historias do lugar
morre de medo e vontade
de encontrar Yemanja

Yemanja Odoiá Odoiá
Rainha do mar
Yemanja Odoiá Odoiá
Rainha do mar

 

 

Dorival Caymmi

 

Categoria: Cultura Popular
Escrito por Ixkol às 12h59
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

27/01/2011


 
 

Ursula Moore

 

Os atores Ashton Kutcher e Demi Moore desembarcam no aeroporto de Guarulhos, em São Paulo (27/1). O casal está na cidade para uma participação no São Paulo Fashion Week. Demi não vai para a passarela, mas Kutcher desfilará pela marca Colcci.

 

Lendo esta matéria, fiquei preocupado com minha amiga Ursula que é mega-ultra-giga parecida com a Moore. Ô Ursula, cuidado pra vc não ser confundida por ae e acabar sendo sequestrada heim!!

 

Categoria: Causos
Escrito por Ixkol às 13h06
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

25/01/2011


 
 

"Esta cidade realmente é bonita, né?"

 

 

 

 

"Alô?"

"Oi, sou eu. Ta fazendo o que?"


"Nada!"


"Bora para as Paineiras?"


"Bora!"

 

Categoria: Causos
Escrito por Ixkol às 18h15
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

20/01/2011


 
 

São Sebastião.

 

 

 

 

SÃO SEBASTIÃO nasceu em Narbona. Foi um valente soldado. Sua fama de bom soldado era tamanha que tornou-se estimado pelos imperadores Diocleciano e Maximiano. Não demorou muito, tornou-se o primeiro capitão da guarda do Império.

Sebastião vivia num tempo em que era proibido confessar o Cristianismo. Os soldados prendiam sem dó nem piedade os cristãos. Acontece que Sebastião era um cristão, e o imperador não sabia disso. E Sebastião ajudou tanto aos demais cristãos que foi conhecido depois como o DEFENSOR DA IGREJA. A atuação de Sebastião nesse sentido consistia, principalmente, em confortar aos cristãos que eram perseguidos, e especialmente aos que padeciam no martírio. Até mesmo pessoas em altos postos do sistema carcerário romano se converteram à fé em Jesus por meio do seu testemunho.

Então, Sebastião foi denunciado ao imperador Diocleciano. Indignado, o Imperador o condenou à morte. Seu corpo foi cravado de flechas e abandonado para sangrar até a morte.

Encontrado ainda com vida por viúva (Santa Irene, celebrada no dia 30 de março) e alguns amigos, foi resgatado. E Irene cuidou de suas feridas. Após sua recuperação, o valente Sebastião se apresentou ao imperador Diocleciano, censurando-o por sua crueldade e exortando-o a deixar de adorar os falsos deuses, mediante suas imagens de escultura. O imperador ficou estarrecido ao ver em sua presença aquele que cria estar morto. Preso novamente foi açoitado até morrer.

Outra versão conta que ele  foi morto a pauladas e boladas de chumbo em 303 DC e o Imperador ordenou que ele fosse jogado em um fossa de modo que os cristãos não o encontrassem. Mas mais tarde Sebastião apareceu para uma cristã chamada Lucina (Santa Luciana, celebrada em 30 de junho)  e disse a ela :" em certo poço você me encontrará pendurado por um gancho e você deve me enterrar nas  catacumbas dos apóstolos". Na mesma noite ela e seus servos fizeram o que Sebastião ordenou. Alguns autores dizem que Lucina o enterrou no jardim de sua casa que ficava situado na Via Apia onde está hoje sua Basílica. Ele foi martirizado no ano de 287 DC. Mais tarde a Igreja  construiu na parte posterior da catacumba um templo em honra do santo: A Basílica de São Sebastião que lá existe até hoje e recebe grande romaria dos seus devotos. Existe ainda uma capela em Palatino em homenagem a São Sebastião.

Existem inconsistências no relato da vida de São Sebastião: Historicamente o edito que autorizava a perseguição sistemática dos cristãos pelo Império foi publicado apenas em  303 pelo que a data tradicional do martírio de São Sebastião parece um pouco precoce. O simbolismo na História, como no caso de Jonas, Noé e quase tudo na Bíblia e também de São Sebastião, é vista, pelas lideranças cristãs atuais, como alegoria, mito, fragmento de estórias, uma construção histórica que atravessou séculos.

É um santo muito popular e padroeiro do município do Rio de Janeiro, dando seu nome à cidade de São Sebastião do Rio de Janeiro. Reza a lenda que, na batalha final que expulsou os franceses que ocupavam o Rio, São Sebastião foi visto de espada na mão entre os portugueses, mamelucos e índios, lutando contra os franceses calvinistas. Além disso, o dia da batalha coincidiu com o dia do santo, celebrado em 20 de janeiro.

Sincretizado na Umbanda com Oxossi, o Orixá Caçador. Tanto o santo, quanto o Orixá, são muito cultuados por todo o Brasil. A relação de São Sebastião com Oxossi está no símbolo da flecha e do arco. Comum para as duas divindades.

 

Categoria: Cultura Popular
Escrito por Ixkol às 10h24
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

18/01/2011


A cabeça dos outros

 

 

...somos prisioneiros não só da nossa cabeça, mas da cabeça dos outros também, do que eles pensam a nosso respeito, do que imaginam que iremos fazer, das conclusões a que chegam, das interpretações  (e do juízo) que fazem. Não há escapatória. Estamos sujeitos ao que nossas narrativas revelam, e elas nem sempre revelam nossa pureza. Estamos sujeitos ao que nossos atos revelam, e eles nem sempre revelam o que sentimos. O que somos de verdade e o que queremos de fato, só nós sabemos. Só nós. Sós.

O planeta é povoado por bilhões de solitários tentando se comunicar em meio a situações de euforia, desespero, descrença e êxtase. Quantas vezes tentaram adivinhar o que sentíamos, e erraram. Julgaram nossas ações, e erraram. Tiveram certeza sobre nossos propósitos, e erraram. Balas perdidas disparadas a esmo, bilhões tentando compreender uns aos outros e passando longe do alvo. Reverenciamos tanto a conexão, mas ela segue mais rara do que nunca.

A cabeça do outro é nosso juíz mais implacável. Acreditamos que temos controle sobre nosso destino, mas esse controle está atrelado ao pensamento do outro sobre nós, o sentimento (ou ressentimento) que ele nutre a despeito de todas as nossas boas intenções. Nossos pais, nossos amigos, nossos filhos, nossos clientes, nosso amor: tudo andará bem desde que sejamos fiéis ao que está previsto. Mas somos seres imprevisíveis por natureza...

 

Martha Medeiros

Escrito por Ixkol às 12h04
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

12/01/2011


 
 

Escrever sobre o que?

 

Ano novo. Janeiro ainda nem acabou e taaaaaantas coisas boas já aconteceram. A virada em Copa. Hospedar o pessoal de São Luis aqui em casa (relembrar tantas coisas boas de lá do Maranhão), ganhar um monte de presentes – minha coleção de elefantes aumentou. Cajuína direeeto do Ceará. Tantos barzinhos, restaurantes, choppinhos, papo jogado fora, flertes, beijo na boca,  chuva, sol,  Ipanema, verão no Rio de Janeiro. Corpo em forma para o carnaval 2011. Blocos, Sapucaí, Amy aqui pertinho de casa – Show fantástico. Festinha na casa da Ana, rever tanta gente querida. Rir. Combinar de levar a Aninha pra Itacuruçá e furar. Acontecimentos espirituais dignos de filme de Hollywood e eu sem assunto pro blog. Ah, nem ligo...

 

Categoria: Causos
Escrito por Ixkol às 17h55
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

23/12/2010


 
 

Klick!

 

 

Depois que meu amigo (e futuro sócio?) Reinaldo Faccchini me convidou a lançarmos alguns vídeos do trabalho dele, eu não parei de pensar no assunto. Falando nisto, foi ele quem me enviou este vídeo da Klick!, uma empresa canadense de marketing e comunicação, que tem o potencial de ser um dos mais interessantes! Isso porque além de fazer a dublagem de praxe, os caras ainda deram um jeito de colocar referência a mais de 50 vídeos virais da internet. Vídeo simplesmente sensacional.

Categoria: Marketing & Publicidade
Escrito por Ixkol às 12h53
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

22/12/2010


 
 

Esta foi a idéia do Nicolau. Qual é a sua?

 

Utilizo do incrível, gostoso e inspirador vídeo de Natal 2010 do Banco Santander para desejar a todos que compartilham comigo deste espaço, a melhor Noite de Natal de todos os anos até hoje. Mas que não seja tão boa como as futuras...

 

Categoria: Marketing & Publicidade
Escrito por Ixkol às 12h14
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

15/12/2010


 
 

Os Ciclos

 

 

Eu sou um verdadeiro apaixonado por folclóre, mitos, religiões antigas, comparadas e afins. E durante minhas muuuitas horas de leitura sobre esses temas, percebi a importância que a humanidade deu e dá aos ciclos. Do nascer e morrer para uma etapa da vida.

E mesmo para quem não é cristão, mas é ocidental, acaba sendo influenciado pelo calendário gregoriano. E dezembro serve exatamente para isto. Encerrarmos um ciclo e iniciarmos outro.

Todos os anos eu faço uma lista das coisas que quero que nasçam e das coisas que quero que morram. É preciso permitir certas mortes para que novas vidas surjam.

Posto abaixo um texto que recebi da minha queridíssima amiga Priscila, que retrata exatamente o que estou falando.

 

Sempre é preciso saber quando uma etapa chega ao final... 
 

Se insistirmos em permanecer nela mais do que o tempo necessário, perdemos a alegria e o sentido das outras etapas que precisamos viver. 

Encerrando ciclos, fechando portas, terminando capítulos. Não importa o nome que damos, o que importa é deixar no passado os momentos da vida que já se acabaram. 

Foi despedida do trabalho? Terminou uma relação? Deixou a casa dos pais? Partiu para viver em outro país? A amizade tão longamente cultivada desapareceu sem explicações?  

Você pode passar muito tempo se perguntando por que isso aconteceu.... 

Pode dizer para si mesmo que não dará mais um passo enquanto não entender as razões que levaram certas coisas, que eram tão importantes e sólidas em sua vida, serem subitamente transformadas em pó. Mas tal atitude será um desgaste imenso para todos: seus pais, seus amigos, seus filhos, seus irmãos, todos estarão encerrando capítulos, virando a folha, seguindo adiante, e todos sofrerão ao ver que você está parado.  

Ninguém pode estar ao mesmo tempo no presente e no passado, nem mesmo quando tentamos entender as coisas que acontecem conosco.  

O que passou não voltará: não podemos ser eternamente meninos, adolescentes tardios, filhos que se sentem culpados ou rancorosos com os pais, amantes que revivem noite e dia uma ligação com quem já foi embora e não tem a menor intenção de voltar.

 As coisas passam, e o melhor que fazemos é deixar que elas realmente possam ir embora... 

Por isso é tão importante (por mais doloroso que seja!) destruir recordações, mudar de casa, dar muitas coisas para orfanatos, vender ou doar os livros que tem.  

Tudo neste mundo visível é uma manifestação do mundo invisível, do que está acontecendo em nosso coração... e o desfazer-se de certas lembranças significa também abrir espaço para que outras tomem o seu lugar.

Deixar ir embora. Soltar. Desprender-se.

 Ninguém está jogando nesta vida com cartas marcadas, portanto às vezes ganhamos, e às vezes perdemos. 

Não espere que devolvam algo, não espere que reconheçam seu esforço, que descubram seu gênio, que entendam seu amor. Pare de ligar sua televisão emocional e assistir sempre ao mesmo programa, que mostra como você sofreu com determinada perda: isso o estará apenas envenenando, e nada mais.  

Não há nada mais perigoso que rompimentos amorosos que não são aceitos, promessas de emprego que não têm data marcada para começar, decisões que sempre são adiadas em nome do "momento ideal". 

Antes de começar um capítulo novo, é preciso terminar o antigo: diga a si mesmo que o que passou, jamais voltará!

 Lembre-se de que houve uma época em que podia viver sem aquilo, sem aquela pessoa - nada é insubstituível, um hábito não é uma necessidade. 

Pode parecer óbvio, pode mesmo ser difícil, mas é muito importante. 

Encerrando ciclos. Não por causa do orgulho, por incapacidade, ou por soberba, mas porque simplesmente aquilo já não se encaixa mais na sua vida. 

Feche a porta, mude o disco, limpe a casa, sacuda a poeira. Deixe de ser quem era, e se transforme em quem é. Torna-te uma pessoa melhor e assegura-te de que sabes bem quem és tu próprio, antes de conheceres alguém e de esperares que ele veja quem tu és..

E lembra-te: 

Tudo o que chega, chega sempre por alguma razão. 

(Fernando Pessoa)

Categoria: Momentos Filosóficos
Escrito por Ixkol às 16h01
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

13/12/2010


 
 

Obrigado

 

 

Era pra ter sido um domingo comum. Mas não foi. Estrada. Serra. Fogão à lenha. Cachoeira. Algumas pedrinhas. Céu lindo. A companhia de vcs. Os olhinhos brilhantes das nossas crianças. A chama daquela vela escondida. A fé. A gratidão. Alguns pedidos.

Algumas coisas são tão poderosas. Meu humilde vocabulário não consegue expressar a minha gratidão! Mas eu queria tanto... Obrigado!!

 

Categoria: Momentos Filosóficos
Escrito por Ixkol às 14h17
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

 
 

Se...

 

 

 

Categoria: Momentos Filosóficos
Escrito por Ixkol às 13h58
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]
 

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, RIO DE JANEIRO, SANTA TERESA, Homem, de 26 a 35 anos, Portuguese, Sexo, Dinheiro, Ócio
MSN - dogagentil@hotmail.com

Histórico